Em 1997, a Associação das Irmãs Filhas do Sagrado Coração de Jesus, com a plena consciência dessa situação e a inerente solidariedade das religiosas que são comprometidas com os problemas sociais mais abrangentes, iniciou, nos assentamentos rurais, um trabalho cujo princípio fundamental é a conquista da dignidade e da cidadania do povo do campo. Aos poucos, com as visitas regulares aos assentamentos, as Irmãs foram conquistando a confiança das mulheres e dos homens do campo, que iam vislumbrando uma nova perspectiva para suas vidas.

Com o apoio e a confiança de cidadãos e ONGs italianas, foi viabilizado no ano 2001, o projeto “Pequenos Agricultores Organizados” (PEAGRO), com o objetivo de tornar os trabalhadores rurais verdadeiros agricultores. Criar condições para a organização dos trabalhadores, prestar assistência técnica, viabilizar projetos, para melhorar a produção e a comercialização de frutas, verduras, hortaliças e até mesmo de alguns pequemos animais, além de fortalecer o espírito cooperativo, são ações concretas da iniciativa da Associação das Irmãs e do Projeto PEAGRO.

No dia 7 de setembro de 2003, o projeto PEAGRO deu um passo importante para a consecução de seus objetivos: o surgimento da Cooperativa dos Pequenos Agricultores Organizados. A COOPEAGRO, entidade de natureza jurídica, imbuída da idéia de que somente cooperando é que os trabalhadores podem melhorar sua situação, conquistou pequenos grupos que moram em 7 dos 14 assentamentos rurais de Maragogi e atualmente conta com o compromisso de 61 sócios/as.

A COOPEAGRO concentra seus esforços em quatro focos:

» O primeiro, formado pelos 70 sócios da cooperativa, onde o trabalho está mais focado: assistência técnica, cursos, dias de campo, assembléias ordinárias e extraordinárias (cada três meses). Com êxito na produção agrícola, graviola, banana, laranja, limão, bergamota, abacaxi, maracujá, goiaba, acerola, inhame, macaxeira, batata doce e hortaliças compõem alguns dos produtos bastante comercializados pela COOPEAGRO;

» um segundo grupo, composto por 10 famílias que são simpatizantes da Cooperativa, estão melhorando sua produção e preparando-se para entrar como sócios;

» um terceiro grupo, composto por cerca de 70 famílias que foram visitadas e incentivadas a se associar, mas que ainda não acreditam no valor do trabalho em grupo e da partilha;

» um quarto grupo é formado por centenas de famílias que ainda não despertaram para a consciência de sua pertença à terra e à vida do campo, cuja presença na zona rural é problema, uma vez que muitos estão envolvidos com furtos de produtos agrícolas, desmatamentos, queimadas, pesca ilegal, veneno, violência, uso de drogas, etc...Também essas famílias necessitam ser ajudadas, num primeiro momento por intermédio dos sócios da Coopeagro e das Irmãs, e, posteriormente, pelos profissionais competentes, numa tentativa de despertá-los para a importância de permanecerem na terra e dela tirar tudo o que precisam para uma vida digna.

Objetivos Específicos
Realidade onde atua o projeto

 
 
Rodovia AL 101 norte nº 382, Bairro Santa Teresa Verzeri - Maragogi - Alagoas - Brasil - CEP: 579555-000
Tel.: (55 82) 3296-2010 / (82) 9999-0189 - CNPJ: 05.954.790/0001-68 - Inscrição Estadual: 241.04520-7